terça-feira, 25 de março de 2008


10 meses, 3 cirurgias, 1 coração partido depois, regresso.

Tudo começa com um passo, penso, enquanto passo Óbidos. Que não é preciso sobrevoar todo o mundo para ver as pequenas maravilhas que há!

O primeiro passo é querer, e depois é deixar que o aprender a andar evolua para algo natural, fluido. A fluência do passo deve vir como algo inato.

O segundo passo é falar. Ai os meus dedos tão frios e o formigueiro acima dos pés...

O terceiro passo é tratar, calma, sensata, metodicamente. Como quem sabe exactamente ao que vai e do que precisa. É estranho como eu mais os meus 30kg de bagagem fazemos tanto sentido juntos.

O quarto passo é seguir, pelas terras de ninguém, pelo espaço sem fuso horário, pelo tempo sem geografia, por cima ver que a Terra é redonda.

Já começou tudo outra vez, convido estes senhores engenheiros que me levam a Lisboa a visitar o meu blog já que com eles começou um novo ciclo, o que vai ser Timor.

5 bitaites:

neca disse...

"Sara on my mind"

by neca.

Anónimo disse...

Sério passo esse sucedendo simbolicamente ao compasso pascal.
Será sensato? Seguramente!
Será fácil? Sei não!
Sara Sarinha Sararoca Sobrinha...
Assim seja!

tio

sarita disse...

:)

SpootlessMind disse...

Que saudades que tinha de ler Timor por ti.. espero que o teu novo companheiro de 13" se esteja a portar bem :)
Sinto-te feliz...
Beijos

Anónimo disse...

sao 12''!! :)
porta se muito bem, embora a bateria por vezes me surpreenda um pouco. Mas foi maravilhoso transporta-lo às costas nos 3 dias de viagem, levezinho como é :)

ainda bem que comprei!

obrigada, amiga*
sarita

Enviar um comentário

 

Copyright 2006 | Template cedido por GeckoandFly e modificado e convertido para Blogger Beta porBlogcrowds.
Muito obrigada :) Se queres conteúdo reproduzir, basta pedir!